X ENES - Encontro Nacional de Engenharia de Sedimentos


Informações pesquisadas na Internet. SaneamentoWeb não se responsabiliza pelos dados informados. Interessados devem certificar as informações diretamente com as fontes citadas.

 

Fonte: http://www2.td.utfpr.edu.br/enes/, extraído em 23/06/2012 às 12:25 hs.

 

Organização: ABRH – Associação Brasileira de Recursos Hídricos e Universidade Tecnológica Federal do Paraná

 

Local: Parque Tecnológico Itaipu – PTI - Av. Tancredo Neves, 6731 - Foz do Iguaçu – Paraná – Brasil - www.pti.org.br

 

Data: 03 a 07/12/2012

 

O Encontro Nacional de Engenharia de Sedimentos (ENES) é um evento promovido pela Comissão de Engenharia de Sedimentos da Associação Brasileira de Recursos Hídricos (CES/ABRH), que tem como objetivo principal a troca de experiências e a discussão de temas relevantes para a solução de problemas decorrentes dos processos de erosão, transporte e deposição de sedimentos, aproximando pesquisadores, técnicos, estudantes e gestores.

 

A Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRH) é uma entidade que tem por finalidade congregar pessoas físicas e jurídicas ligadas ao planejamento e à gestão dos recursos hídricos no Brasil. Através dos seus associados, a ABRH desenvolve ações de caráter técnico-científico, espinha dorsal da sua atuação, jurídico-institucional e social.

 

Atualmente, a ABRH mantém oito comissões técnicas que buscam reunir os associados em torno de um interesse específico dentro de áreas relevantes dos recursos hídricos. As comissões atuam organizando simpósios, cursos, palestras e publicações em suas áreas de interesse. Além disso, procuram atuar dentro do contexto nacional na busca de consenso na solução de problemas relevantes.

 

A área de engenharia de sedimentos é estratégica para o desenvolvimento do país, uma vez que trata de temas como a erosão do solo, o fluxo e a deposição de sedimentos em rios, reservatórios, deltas e estuários, bem como as interações entre as suas características e a qualidade da água.

 

O conhecimento sobre a produção e o fluxo de sedimentos é fundamental para o desenvolvimento de diversas atividades, como o abastecimento público de água, a agricultura, a geração de energia hidrelétrica, a navegação, o turismo e outras. Além disso, o estudo dos sedimentos representa uma importante ferramenta de análise ambiental, pois dependendo da intervenção do homem no comportamento hidrossedimentológico de uma bacia hidrográfica, severas alterações podem ser notadas nos ambientes aquáticos (flora, fauna, temperatura, pH, turbidez, características químicas e outras). Isso ressalta o caráter multidisciplinar da hidrossedimentologia (hidrologia, engenharia, química, biologia, geologia, agronomia, saneamento, matemática, física, etc.). A aplicação dos diversos domínios do conhecimento na busca por soluções aos problemas envolvendo os sedimentos é o que mais motiva a realização deste evento.

 

OBJETIVOS:

·       Difusão do estado da arte do conhecimento científico sobre os processos de erosão e sedimentação, assim como das práticas para a gestão sustentável do solo e da água com ênfase nos aspectos relacionados aos sedimentos;

 

·       Aumentar a conscientização sobre a importância do estudo dos processos de erosão e sedimentação e dos impactos ambientais, econômicos e sociais decorrentes desses fenômenos; 

 

·       Estimular o intercâmbio de informações, metodologias e políticas para a adequada gestão da problemática relacionada aos sedimentos;

 

·       Discutir experiências nacionais e internacionais na área de erosão e sedimentação;

 

·       Discutir métodos e procedimentos apropriados para gestão dos sedimentos;

 

·       Identificar áreas prioritárias para a investigação científica.

 

Postado em 24/06/2012 às 14:17 hs.